NOTAS DA EQUIPE

Pessoal,
já estamos abrindo o blog, mas vocês vão perceber que tem várias coisas ainda para arrumar.
Vocês já vão conseguir acessar a maioria das postagens, algumas podem ainda estar desatualizadas, mas vamos estar arrumando assim que possível ;)

Vamos passar todos os links para o Pastebin. É clicar sobre a imagem "Links - Clique aqui" e vocês serão redirecionados para um documento com os todos os links. Aí é só copiar o link de cada episódio e colar na barra de endereço. Tutorial aqui.

~Equipe Urameshi

domingo, 12 de fevereiro de 2017

│Resenha – “Come Back, Mister”




Melodrama, Comédia, Família, Romance - 16 Episódios │SBS│K-Drama│2016


JÁ NÃO É MAIS NOVIDADE que nesse ano a dramaturgia coreana nos presenteou com um acervo de doramas maravilhosos, sem exceções. E é com muita alegria e prazer que venho hoje falar de um drama maravilhoso e muito divertido que, em minha opinião, até agora — visto que o ano ainda não acabou — foi um dos melhores no quesito comédia. Não é lá aquelas coisas, mas vale à pena assistir. Claro, também tem o lado dramático da história, mas na dose certa.  



Quando foi anunciado, eu já tinha uma lista interminável de doramas para assistir, — ainda tenho rsrs — mas quando eu vi quem iria ser um dos protagonistas, já não podia deixar Come Back, Mister de fora, e quando dei por mim, já estava assistindo. Afinal, o Rain (Bi) é o responsável por me levar ao mundo dos doramas e me deixar completamente fissurada. Ele não é o meu ator favorito, mas está entre os meus quatro amorzinhos. 

Mas chega de conversa fiada e vamos à resenha >>>


Após, literalmente, trabalhar até a morte, um homem de meia-idade volta à vida no corpo de outro homem todo perfeito e sexy por um tempo limitado. Enquanto isso, um ex-gangster também volta à vida ao possuir o corpo de uma mulher bonita e atraente. Por puro destino, esses dois se conhecem e acabam virando amigos e parceiros no intuito de concertar os erros antes de irem embora de vez. 



Young Soo & Gi Tak

No início, a história nos mostra em partes a vida de Kim Young Soo (Kim In Kwon) e Han Gi Tak (Kim Soo Ro), dois homem que morrem numa mesma noite e que acabam se encontrando no caminho do paraíso. 
Young Soo trabalha na sessão feminina em um shopping. Ele é casado e tem uma filha. Só que, ele trabalha tanto que a sua família acaba sempre ficando em segundo lugar, justamente por que o trabalho fica em primeiro. E quando ele morre acidentalmente e se sente injustiçado por dizerem que foi suicídio, ele ganha uma segunda chance e volta no corpo do lindão e sexy Lee Hae Joon (Rain), o filho ilegítimo do dono do shopping. O fato é que, o verdadeiro Lee Hae Joon possui uma personalidade muito séria, totalmente diferente do Young Soo, quem lhe possui. Se bem que... não é basicamente uma possessão de corpos, vamos dizer que é uma cópia bem feita. HaHa Enfim...

Quando a atuação do meu lindinho... Digno de aplausos. Eu gosto de assistir dramas com o Rain por causa disso. Ele é perfeito demais para fazer comédia, embora o meu primeiro drama com ele foi“A Love To Kill”. Fiquem ligados, logo mais trarei a resenha sobre este drama de 2005. 

       Enfim... Já Gi Tak, é um ex-gangster e dono de um restaurante. Em uma noite enquanto conversava com o seu antigo amor, ele também acaba morrendo em um acidente de carro, — pelo menos é o que aparenta no início da história, pois a verdade vai aparecendo gradativamente. — Pois bem, ele volta no corpo dessa diva aí, bonitona e nada sexy, contudo. kkk Han Hong Nan (Oh Yeon Seo). Alguém me explica, por favor, o que foi essa mulher possuída por um espírito masculino? Porque tipo... O Gi Tak é um gangster “aposentado” que manja no boxe. Aquele tipo de cara durão; machão; impaciente que quer resolver quase tudo nos punhos. Aí ele volta à vida no corpo de uma mulher lindona e frágil, de certo modo. Imaginem ele tentando lutar estando no corpo de uma mulher. As cenas são muito engraçadas quando ele tenta fazer isso, antes de se adaptar no corpo feminino. 

***




No início, após o regresso, eles meio que não se reconhecem e acabam até trocando um breve chameguinho, mas quando eles se reconhecem...


...tornam-se inseparáveis que, mesmo sabendo que são dois Ahjussis, é impossível não shippar. Sem contar que eles dois são a comédia pura! Kkk 






        Impossível não rir com esses dois... Opps, esse quatro. :D 





***

Temos também a Shin Da Hye. Ela é a "viúva", esposa do Young Soo. Sobre a personagem, bem... Eu prefiro não me aprofundar  muito sobre ela. Não consegui ver muita graça na mesma, mesmo depois de descobrir que ela é o motivo para Young Soo e Gi Tak terem voltados, juntos. Por quê? Por quê? Por quê? HaHa assistam ao drama para descobrirem. :p  




Também temos a Song Yi Yeon, uma atriz e o antigo amor de Gi Tak, um dos motivos pelo o qual ele deseja voltar. Ela era casada com Cha Jae Gook (Choi Won Young), o irmão mais velho do verdadeiro Lee Hae Joon. Ele, seu ex-marido, vive ferrando com a vida dela... quer dizer, vivia, pois quando a diva Hong Nan entra na vida dela, elas que ferram com a vida dele. 

*Diva*






Bem, gente, há muitos outros personagens, como por exemplo: A filha do Young Soo... 







... o segurança da Yi Yeon e o lindinho e fofinho do filho dela. Gente, o que é isso, eu quero essa criança pra mim. ♥ Ele é muito lindooooo! ♥




Bom, já viram que tem muita comédia, mesmo! No entanto, a história não se baseia apenas nisso, pois como eu disse lá em cima, também tem as partes mais sérias. O final não é o "felizes para sempre", é aceitável ecompreensível, contudo. Então, se você não assistiu, não perca mais tempo e corre logo pra ver! HaHa


***
O drama está liberado aqui no blog.
Para baixá-lo basta clicar AQUI.



Beijos e até a próxima! :* 

Nenhum comentário:

Postar um comentário